Páginas

30/04/2014



Estou gravida de mim mesma,
gestando a transformação da minha alma
mergulhando nas águas benditas da vida
para parir meu ser

Estou gravida de mim mesma
gerando novos sentimentos
tecendo novos saberes
acolhendo a alma que desabrocha

Estou gravida de mim mesma
permitindo a mulher florir
com toda sua força
dentro da sua delicadeza

Estou gravida de mim mesma
deixando de perguntar
o que fazer e para onde seguir
apenas deixar-me parir
a mim e ao que Sou
permitindo que meu fluir
escorra por entre as entranhas
da Mãe que me conduz!

Estou gravida de mim mesma
e na Primavera da vida
permitir-me pisar na terra
firmeza de meus passos
energia sublime que nutre
o caminhar daquelas
que se permitiram morrer
para então renascer!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário para nosso blog, com eles poderemos melhorar e aprimorar nossos textos e abordagens!!