Páginas

21/09/2017



Sinto-te em tudo,
desde minhas raízes
até minhas folhas
já desbotando..
cabelos esbranquiçados
que voam e voam ao vento
absorvo seu respirar
absorves o meu
trocamos ensinamentos
somos cúmplices
és fonte de vida e em ti
entrego minhas dores
abraço sua alma e
me devolves paz...
Sagrado Povo em Pé
honro-te e a toda sua sabedoria
buscas no fundo das entranhas
a fonte do eterno viver.
Curvo-me sobre a terra que te nutre
para me descansar em teus troncos
e ser semente sob teus galhos!


Rose Kareemi Ponce


Filha, Desperta!



Sai dessa casca que você se colocou e levanta a cabeça!

Percebe que não tem nada acontecendo, senão a ordem natural de todas as coisas e que Eu estou contigo. Sempre.

Não há catástrofes. Há ajustes naturais como sempre houve. Há colheitas humanas que precisam acontecer para que se percebam no caminho e mudem de rota, de direção, de sentimentos, de ações!

Levanta filha e segue. Leva aos quatro cantos a palavra do amor na sua fala. Mostra pelo exemplo que todos precisam despertar para o amor. Essa é a missão das almas que estão despertando, mas, despertar somente não torna a mudança real. Desperta e sai pelo mundo levando a boa nova, de que o amor voltará a reinar. Basta que os corações estejam dispostos a se renderem e abrirem suas portas trancadas a sete chaves. Em coração blindado, o amor não entra nem sai, sequer floresce, pois precisa de luz. A luz da vida sendo vivida em auxilio aos irmãos. Essa é a chave, não se esqueça dela. Esse é o signo que marca todos os que vieram com esse propósito: Ser a luz nas escuridões da alma humana neste exato momento deste planeta. Percebe que nada está abandonado?

Tudo acontece no momento que tem de acontecer e Eu, estou aqui, cobrindo vocês com meu manto e tornando suave o caminhar daqueles que aceitam ser cobertos pelo amor. Nada está fora de nossas mãos.Se sofrem é por não aceitarem as mudanças, é por se acharem sábios demais para reaprender a caminhar. Não há castigos filha minha, há apenas o que muitos chamam de separação do “joio e do trigo” e o que Eu chamo de evolução. Não há filhos sendo abandonados ou esquecidos, há filhos que precisarão retornar um pouco e descer alguns degraus da escada evolutiva para simplesmente poderem decantar suas más águas, raivas e falsas compreensões sobre a vida, sobre a fé, sobre a Lei.

Levanta filha e segue jornada. Leva em suas mãos o perfume da rosa, em suas palavras derramarei meu mel para que adoces os corações e em seu coração plantarei a semente do Grande Amor que polinizará as flores que abrirem espaço para flor-e-ser...

Levanta filha. Primavera chega e o jardim precisa ser preparado. Vá, ara as terras das almas perdidas e sopre palavras benditas em suas narinas para que se relembrem que o sopro de vida lhes é presenteado o tempo todo. O Grande Espírito está em nós sem que precisemos pedir por isso. Relembre a todos: O mesmo sopro de vida que os deu ânimo ao nascer continua soprando. No fundo, seus corações sabem apenas os dia-a-dia, os fez esquecer. Relembre-os.

Levanta filha e faça-os relembrar da importância da benção, do abraço, do acolher.

Levanta filha e ajude-os a encontrar o caminho de volta.

Levanta filha, Estou contigo desde sua criação.

Segue e semeia o amor.





Rose Kareemi Ponce

17/09/2017


Estou recuperando minha estrada, minha ancestralidade...e isso só é possível ouvindo meu coração. É por ele que meus ancestrais falam e me mostram o caminho!
Aqui, de dentro do útero de minhas ancestrais, me recuso a ficar passiva ao ver meus irmãos de sangue serem exterminados.
Aqui, de dentro do útero de minhas ancestrais eu me coloco a serviço da luz e das lições que ela me trouxer.
Daqui me coloco a serviço do meu povo, melhor maneira de de cooperar.
Daqui, Sou Una com os Guaranis!
Daqui, sou una e honro minha avó e meu pai.
Daqui, não sou, Somos!
caminhando sobre as pegadas da ancestralidade que me guia!


Rose Kareemi Ponce


Não se pode compreender a mulher sem saber ouvir o universo....

Rose Kareemi Ponce

14/09/2017






Bom dia!
Ontem estava eu com minha filha no trem indo pra São Paulo, quando ouvi uma conversa de um rapaz com alguém ao telefone que dizia:

"Poxa, lá eu não volto mais. Passei o fim de semana na casa deles, comprei um fardo de cerveja e sai de lá hoje (ontem) e as cervejas ainda estavam lá. Não sei o que está acontecendo mas se deixam cerveja de lado é porque não estão bem. Lá não vou mais".


Isso me fez pensar como andamos doentes, desequilibrados. Medimos a "saúde" e a "felicidade" pela quantidade de cervejas que conseguimos tomar. Pelo nivel alcoolico que suportamos e sequer nos damos conta de quanto isso é o oposto do amor. As vezes o que nossos amigos precisam é exatamente dar um tempo de alcool. Precisam aprender a serem felizes sem que pra isso haja cerveja, vinho ou outras bebidas mas, apenas e tão somente alegria, acolhimento, atenção!
Ser amigo é se preocupar com a saúde do fígado, do coração, da alma dessas pessoas.
Ser amigo é não querer ver nossos amigos embriagados e perdendo o controle de suas vidas.
Quantos de nós já não viu amigos(as) fazendo coisas das quais se arrependem após um porre?
Quantos de nós não percebemos que nossos amigos estão se perdendo, mas por conta do alcool ser uma "DROGA LÍCITA" simplesmente viramos o rosto para não nos "metermos" no assunto. Mas somos muitas vezes aquele que chama para o bar, para a balada, ainda que vendo nossos irmãos caindo em armadilhas.
Ser amigo é certamente dizer a verdade, mesmo que machuque um pouco. Pois certamente machuca menos do que nossa indiferença disfarçada de respeito.
Amigos estendem a mão para tirar do buraco...
Responsabilidade emocional, você tem?

Pra pensar....

Rose Kareemi Ponce

07/09/2017



Dia da independência...
Que sejamos libertos
Da justiça falha
De Temer o "mal"
Do roubo e da mentira
Dos Golpes e das milícias
Das malas cheias de dinheiro
Dos pratos vazios de comida
Dos corações cheios de ódio
De Helicocas e Aécios
De lágrimas de crocodilo
Do agronegócio
Dos venenos nos alimentos
De Marcelas e suas poses
De Partidos e rompidos
De Gilmar e Alexandre
De Rosas e seus espinhos
Que sejamos libertos da
falta de coragem de tomarmos
Nas mãos nosso país de volta.
Verás Pátria Mãe
Que um filho teu
NAO FOGE A LUTA!


Rose Kareemi Ponce




Gente..ser espiritual e pacifista não me torna mansa...

Não, eu não sei separar a questão social da política e da espiritual.
Não consigo me ver batendo palmas para desfiles militares, mesmo eu tendo sido criada vendo isso já que meu pai era do exército. Hoje vejo isso como errado.
Não consigo ficar quieta ao ver injustiças e abusos policiais e ficar feliz. Pra mim, bandido bom não é bandido morto, houve um abandono no meio do caminho e, são irmãos que estão afastados da luz da consciência, mas são irmãos. Precisamos rever nossos conceitos sobre isso.
Não consigo ficar quieta ao ver injustiças e abusos policiais e ficar feliz. Pra mim, bandido bom não é bandido morto, houve um abandono no meio do caminho se, são irmãos que estão afastados da luz da consciência, mas são irmãos. Precisamos rever nossos conceitos sobre isso.
Não consigo achar normal tanto roubo e a volta da miséria, muito menos pessoas sendo mortas com 23 tiros nas costas e dizer que houve justiça.
Não consigo bater palmas, nem panelas, para o desmando na educação, na saúde e nos direitos básicos de todos meus irmãos.
Não consigo imaginar um mundo diferente se EU não me mexer.
Sim, eu sei que tudo está certo, que as coisas vão se ajeitar e que tudo são processos.....mas a mansidão não moverá energias e consequentemente não ajudarei na mudança. Montanhas não se movem sozinhas e crer que um anjo descerá do céu para resolver tudo, é terceirizar responsabilidades.
Não consigo ver onde a raiva vai mudar comportamentos raivosos, Penso que apenas os nutrirão ainda mais. Por isso não alimento raiva, prefiro a compaixão.
Se eu quero paz, preciso me transformar em paz.
Se eu quero amor, preciso compartilhar o meu.
Se não quero luta, preciso guardar minha espada e não fechar meu punho.
Amor é o que me torna capaz de ser empata e responsável emocionalmente por todos os que caminham comigo, tornando apaziguadora a forma como enxergo e sinto o mundo e de como me torno resiliente nas dificuldades e pura coragem nos desafios!
Se eu quero paz....preciso vibrar na frequencia dela!
Sem mais por hoje!


Eu sou Rose Kareemi Ponce e assim falei
Aho.

06/09/2017




A ninguém dou o direito
De roubar meus sonhos
De tirar minhas penas
De não poder tocar minha maracá

A ninguém dou o direito
De silenciar meu canto
De proibir minha dança
De roubar minhas terras

A ninguém dou o direito
De secar meus rios
De matar meus peixes
De roubar minha casa

Nem à morte dou direitos
Pois ela levará apenas o corpo
Que cairá cansado no solo
De guerrear pela paz
Do meu sagrado povo

A ninguém dou o direito
Mas mesmo que for pelo esquerdo
O branco vai entender
Que as terras que ele rouba
Não será dele mas
Ele será da terra
Que o engolirá
Quando a morte o vier pegar
Sou GUARANI com Honra!

Rose Kareemi Ponce


Pergunta inbox!

-Rose o que preciso para ser benzedeira?

Resposta:
Precisa carinho, amor, atenção, cuidado.
Precisa dedicação.
Precisa saber que ser benzedeira não é modinha. É missão de vida.
Precisa saber que há uma jornada a ser trilhada e desculpas precisam sair do caminho, para que haja ação.
Precisa saber que vai virar uma esquina na vida, pois a responsabilidade que assumimos não é com corpo físico das pessoas, mas com os corações e almas que nos procuram e não podemos escolher quem vamos amar (rezar).
Nossa função no mundo é abrir os braços e fechar os olhos, deixar a mente quieta e escancararmos o coração, e assim o rezo nasce, naturalmente!
É saber que se caminha sobre as pegadas de uma tradição e que, precisamos honrar ela com nossa alma.
Precisa de desapego, pois muitos "amigos" sairão do caminho. Poucos suportam a idéia do caminho sagrado, apesar de muitos ambicioná-lo(???).
Precisa de tempo para se dedicar ao outro, compreendendo que não existe outro, mas uma continuação de nós mesmos e o tempo "perdido" na doação, é "ganho" em amor.
Precisa consciência de que somos instrumentos e que vamos onde somos úteis, não onde queremos.
Precisa saber que não existe controle, ao contrário, há que se ter discernimento.
Precisa rendição para se dobrar, quebrando apenas o ego em pedaços, ficando apenas o necessário para minha individuação.
Precisa saber-se parte de tudo e do todo!
Precisa rendição.
Precisa rendição.
Precisa rendição.


Rose Kareemi Ponce

ps...não coloquei a palavra respeito aqui, pois quem se rende ao amor, se rende a ele por completo e, não há amor sem repeito e nem respeito sem amor!




Esta é minha casa.
Entre, seja bem vindo!
Mas por gentileza, tire os sapatos. Venha com os pés descalços.
Pise de mansinho e não deixe rastros pesados em solo sagrado!
Aqueça-se no calor do amor.
Alimente-se de sorrisos.
Descanse sob o manto da paz.
Ao sair, deixe o que puder em troca do receber, assim nutrimos uns aos outros com o que temos de melhor. Um abraço dado de bom coração, é mais que um abraço, é uma benção!!!!
Leve consigo um pouco de alimento, que nutra sua Luz!
Leve também um potinho de esperanças para as noites escuras e sem estrelas.
Um saquinho com raios de sol, para que nunca deixe de crer em cada amanhecer em seu coração.
Uma caixinha de música, para que se recorde da vóz dos anjos.
Uma bússola para que não perca o caminho dos seus sonhos e um até breve, para que não se esqueça de voltar, AMIGO!
Essa casa está sempre de portas abertas, repleta de amor aguardando seu retorno!
Prometo cuidar da sua casa com o mesmo carinho que cuido dos beija flores, das abelhas, das borboletas... polinizadores do amor, dessa forma seu coração será sempre solo fértil e eu poderei apreciar um florescer primaveril!
Esta é minha casa.
Entre, seja bem vindo!

Rose Kareemi Ponce

05/09/2017




"MISTÉRIO"

Não me olhe assim,
querendo descobrir meus segredos
todos de uma só vez,
Sou como mar profundo
envolto em mistérios.
Sou como barco à deriva,
em busca de portos ensolarados
Não queira me saber
em apenas uma palavra,
Sou alfabeto completo,
sou rimas desfeitas,
sou todas palavras ainda desconhecidas.
Não tente me tocar sem antes me ver,
posso desmanchar em tuas mãos
sou areia, pó estelar
posso deixar sopros mágicos em teu olhar
e cegar tuas intenções
Não me observe assim,
querendo me adivinhar
sou soneto sem rima
sou abelha em busca de flor
sou leitura difícil
sou os segredos guardados de amor.
Não me fite assim
como se me desenhasse
sou pintura em andamento
com eternas pinceladas
sou cores que você não vê
sou borboleta recém saída do casulo
sou liberdade, sou voo livre
sou asas abertas
não...
não pense em me saber domar
sou fera selvagem
sou mata fechada
sou bicho do mato.
não pense em me fazer refém
não há correntes no mundo
que me prendam ao solo
sou elo de amor
sou vento que sopra
sou água que corre
Não queira me subestimar
sou impenetrável
sou intragável
sou amarga,
mas carrego o mel
em minhas palavras
e sei derramá-lo
pelos lábios dos que me acolhem.
Não pense que me tens como posse
sou dona de mim mesma
sou senhora da minha história
alma em comunhão com a vida
flor em germinação
pétalas que se abrem
Sou perfume!"


Rose Kareemi Ponce